Hugo Carvalho, antigo presidente do Conselho Nacional de Juventude e atual deputado do PSD, foi eleito presidente do Conselho Geral da Universidade da Beira Interior (UBI), instituição com sede na Covilhã, distrito de Castelo Branco. Hugo Carvalho, 30 anos, é engenheiro de profissão e é um dos oito membros cooptados daquele que é o órgão máximo da UBI, tendo sido eleito pelos restantes conselheiros.

Um cargo que aceitou com “enorme gosto” e no qual tentará sempre “fazer o máximo esforço para que toda a comunidade académica (não docentes, docentes e estudantes) possa ter a sua voz ouvida e refletida no caminho da UBI”, frisou no final da reunião em que foi eleito. Lembrando que a primeira missão do Conselho Geral passa por convocar as eleições para o próximo reitor da UBI, este responsável adiantou que o procedimento vai ser lançado de imediato.

Quanto ao mandato, assume o compromisso de ser “embaixador” e de tudo fazer para defender os interesses do Conselho Geral e da UBI, sublinhando, desde já, “o caminho estratégico para atrair mais estudantes em Portugal e fora do país”.

Há um desígnio sempre comum que é o de termos mais estudantes a estudar e, se possível, no Interior melhor porque sabemos que dinamizam a economia, que são uma mais-valia para a cidade e que são uma mais-valia para tudo o que aqui se faz”, apontou.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Na reunião, foi ainda eleito João Casteleiro Alves, como vice-presidente. O Conselho Geral da UBI é composto por 29 elementos, 15 dos quais representantes dos professores e dos investigadores, cinco representantes dos estudantes, um representante do pessoal não docente e mais oito personalidades cooptadas, que são externas à instituição.

O grupo de cooptados tomou posse na quarta-feira e é constituído por Hugo Carvalho (deputado na Assembleia da República), André Reis (presidente da Federação Académica do Desporto Universitário), Vítor Pereira (presidente da Câmara Municipal da Covilhã), José Rui Felizardo (CEO do CEiia – Centro de Engenharia e Desenvolvimento), Bruno Mineiro (diretor da TWINTEX – Indústria de Confeções), Laura Brum (diretora médica dos Laboratórios Clínicos Synlab), Rui Amandi de Sousa (CEO da empresa Stemmatters) e João Casteleiro Alves (administrador do grupo tecnológico Readiness IT – Systems Integration SA).