Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Na zona de entrevistas rápidas depois do final do jogo no Dragão, Andrea Pirlo acabou por fazer uma revelação sobre Morata. O treinador da Juventus confessou que o avançado espanhol — que surpreendentemente não foi titular e só entrou já durante a segunda parte — tem sofrido com uma gripe nos últimos dias e acabou por perder os sentidos após o fim da partida.

“O golo foi um amargo de boca, os jogadores não mereciam”. Sérgio elogia exibição do FC Porto e destaca “solidez” da equipa

“O Morata não estava bem e passou mal depois do jogo. Ele não passou bem durante alguns dias, não recuperou bem de uma gripe. No final do jogo acabou por desmaiar. Só jogou porque precisávamos dele”, contou Pirlo, que revelou ainda que Chiellini saiu durante a primeira parte porque se ressentiu de um problema muscular na coxa e que De Ligt acabou a partida em dificuldades porque estava com cãibras.

O treinador da Juventus fez ainda uma análise rápida ao jogo. “Quando se consente um golo no primeiro minuto, um golo estranho, é natural que os jogadores percam a confiança, especialmente contra um adversário que sabe defender”, disse Pirlo, que acrescentou que a partida “ficou de feição” para o FC Porto logo depois do golo inaugural de Taremi. “Com tantos jogos em tão pouco tempo é natural que não consigamos manter o foco, mas não devia ter acontecido nos oitavos de final da Liga dos Campeões”, terminou o técnico.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR