Acabou por ser uma das histórias da primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões entre FC Porto e Juventus, apesar de ter acontecido já depois do apito final. Álvaro Morata, avançado espanhol do clube italiano que só entrou em campo na segunda parte, desmaiou no Dragão após o final do jogo, algo que acabou por ser revelado pelo próprio treinador, Andrea Pirlo.

“O Morata não estava bem e passou mal depois do jogo. Não passou bem durante alguns dias, não recuperou bem de uma gripe. No final do jogo, acabou por desmaiar. Só jogou porque precisávamos dele”, contou o técnico na flash interview à Sky Sports italiana, na sequência da derrota contra o FC Porto. Ora, pouco mais de uma semana depois, surge o motivo real do desmaio de Morata, que não foi provocado por uma gripe mal curada.

A revelação de Pirlo: “Morata não estava bem e passou mal depois do jogo. Acabou por desmaiar”

Segundo o jornal Marca, o avançado de 28 anos foi recentemente diagnosticado com citomegalovírus, uma condição que é crónica e que permanece de forma permanente no organismo depois de ser contraída. À partida, não causa outros sintomas que não cansaço, enjoos ou dores de estômago, além de deixar o sistema imunitário mais fragilizado. O vírus em questão pertence à família dos herpes e mais de 50% da população mundial acaba por contrair esta infeção em algum ponto da vida — o vírus fica latente no organismo e pode reativar-se a qualquer altura. Acaba por não ter consequências muito graves, sendo particularmente perigoso para as mulheres grávidas ou para pessoas com um sistema imunitário debilitado, como os recentemente transplantados.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Assim, e apesar de não se tratar de uma condição grave, a verdade é que o citomegalovírus pode ser o responsável pela quebra de rendimento de Morata nos últimos meses. O avançado espanhol, que leva 13 golos esta temporada e que foi mesmo um dos destaques da Juventus na primeira metade da época, tem tido algumas dificuldades desde dezembro e até perdeu o lugar do onze inicial em algumas ocasiões, em benefício de Kulusevski. O diagnóstico de Morata preocupa o clube italiano, que está atualmente no terceiro lugar da Serie A e que precisa de dar a volta à eliminatória europeia com o FC Porto, mas espera que o jogador consiga recuperar à melhor forma física e desportiva depois de dois meses mais complicados.