Jari-Matti Latvala é um dos mais reputados pilotos de provas de estrada e defende as cores da Toyota no Campeonato do Mundo de Ralis. O finlandês conduz em competição um Yaris WRC (de World Rally Championship), um monstro tão caro quanto sofisticado, com um motor 1.6 turbo que não debita mais do que 380 cv, porque, por regulamento, está limitado por um restritor de ar.

GR Yaris mostra que ninguém o agarra na classe

Desta vez, a sua tarefa não consistia em tentar fazer o melhor tempo numa classificativa em ritmo de competição, mas sim “apertar” um pouco mais com o novo GR Yaris, um pequeno desportivo que foi concebido com tudo o que é necessário para quem vai ao volante se poder divertir “à grande”. Conheça aqui melhor o piloto:

O GR Yaris obedece a uma relação custo/benefício, em que se por um lado oferece o único sistema de tracção 4×4 do segmento e um motor 1.6 sobrealimentado com 261 cv (o melhor valor da classe para um carro desta bitola e peso), consegue, por outro lado, ser proposto por um valor  que ainda assim se pode considerar acessível (42 mil euros), sobretudo atendendo ao que dá em troca.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

No vídeo promocional, Latvala surge no papel de tio que quer proporcionar uma experiência diferente à sobrinha, realizando uma incursão por uma estrada em terra batida em que o finlandês age como um condutor normal, a “apertar” um pouco mais com o pequeno desportivo, e a jovem assume um papel de navegador, ditando notas de andamento como se estivesse numa classificativa. Veja aqui como tudo acaba.

E agora veja como conduz Latvala quando está no “escritório”, desempenhando a sua função de piloto profissional, aqui em 2014, quando pilotava um VW Polo no WRC: