Dois trabalhadores ficaram esta segunda-feira feridos, um deles com gravidade, após a derrocada de uma placa num prédio devoluto que estava em obras, na zona de Paranhos, no Porto, segundo as entidades de socorro local.

O Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) do Porto e o Batalhão de Sapadores Bombeiros do Porto indicaram à agência Lusa que o ferido leve foi transportado para o Hospital de Santo António, enquanto o ferido grave foi encaminhado para o Hospital de São João.

Em declarações à Lusa no local do acidente, o comandante do Batalhão de Sapadores de Bombeiros do Porto, Carlos Marques, adiantou que o trabalhador em estado grave “foi imobilizado, estando consciente e cooperante”. Este operacional explicou que a derrocada da placa aconteceu entre o primeiro e o segundo pisos do prédio.

Pelas 16h15, aguardava-se pela chegada de uma equipa da Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT), enquanto elementos do Batalhão de Sapadores de Bombeiros do Porto estavam “a avaliar as condições de estabilidade” do edifício.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O alerta foi dado pelas 14h08. Inicialmente, fonte do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) indicou à Lusa que três pessoas poderiam estar soterradas.

Notícia corrigida com o número atualizado de trabalhadores feridos