501kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica.
Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Adere à Fibra do MEO com a máxima velocidade desde 29.99/mês aqui.

"Pragmático, elegante, lúdico". O novo paradigma de Luís Buchinho

Este artigo tem mais de 1 ano

O criador português apresentou, na terça-feira, a coleção para o próximo inverno. Uma aposta no pragmatismo e na versatilidade, num contexto que continua a ser adverso para a moda nacional.

27 fotos

Pela segunda vez consecutiva, Luís Buchinho optou por apresentar uma coleção de forma independente. Fora dos dois calendários nacionais — ModaLisboa e Portugal Fashion –, o criador de moda, que é um dos veteranos do setor, escolheu uma galeria portuense para revelar as suas propostas para o próximo outono-inverno. Um cenário ditado pelas referências da própria coleção, que partiu de um letreiro luminoso da artista plástica Alicia Eggert: “This present moment used to be the unimaginable future“.

O contexto em que projetou a próxima estação fria não é inédito, afinal o mundo já lida há um ano com os efeitos da pandemia. Se a imprevisibilidade é agora ponto assente, impõe-se uma abordagem especialmente pragmática do guarda-roupa. Como o próprio criador resume: “Não tem muito a ver com fantasia, tem a ver com um sonho do dia-a-dia”. “São peças muito presentes no imaginário feminino, mas com várias vertentes — algo pragmático, elegante, lúdico. É um novo paradigma”, explica ao Observador.

Conforto, segurança, versatilidade e intemporalidade — os substantivos não são inéditos no trabalho do designer, mas surgem agora conjugados para responder à nova normalidade, uma readaptação instintiva do próprio Buchinho, mas também uma necessidade manifesta das suas clientes mais fiéis. A paleta neutra reforça o tom dado a uma coleção onde predominam as camisas e vestidos pensados para os compromissos cumpridos à distância, as malhas e as peças desportivas.

“O contexto é o mesmo, a diferença é que estamos um bocado mais habituados. Já vivemos a situação, mas continuamos sem saber o que vamos encontrar mais à frente”, desabafa Luís Buchinho em jeito de balanço dos últimos seis meses. Com o setor em suspenso, o criador espera pelo momento de apresentar a coleção aos principais clientes (lojas multimarca), o que já deveria ter acontecido há dois meses.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

“Com a loja fechada não há adaptação possível. O online tem sido uma bengala, mas não o suficiente — subiu 30% ou 40%, mas o resto caiu 80%. O que estamos a tentar fazer é, dentro de uma conjuntura quase impossível, prosseguir com uma perspetiva de futuro e isso é um esforço inquestionável”, conclui ainda.

Esta é a segunda coleção que Luís Buchinho apresenta, consecutivamente, a título independente, sem o apoio do Portugal Fashion, depois de ter optado por deixar a plataforma no ano passado. Sobre um possível regresso ao calendário de moda portuense, continua a preferir fazer planos para o futuro. O Portugal Fashion, por sua vez, arranca na próxima quinta-feira com a transmissão de apresentações previamente gravadas e sem público, no primeiro de dois momentos que se estenderá até sábado.

Na fotogaleria, veja as imagens da coleção de Luís Buchinho, divulgada na última terça-feira.

Loja Observador Lifestyle

Ofereça este artigo a um amigo

Enquanto assinante, tem para partilhar este mês.

A enviar artigo...

Artigo oferecido com sucesso

Ainda tem para partilhar este mês.

O seu amigo vai receber, nos próximos minutos, um e-mail com uma ligação para ler este artigo gratuitamente.

Ofereça artigos por mês ao ser assinante do Observador

Partilhe os seus artigos preferidos com os seus amigos.
Quem recebe só precisa de iniciar a sessão na conta Observador e poderá ler o artigo, mesmo que não seja assinante.

Este artigo foi-lhe oferecido pelo nosso assinante . Assine o Observador hoje, e tenha acesso ilimitado a todo o nosso conteúdo. Veja aqui as suas opções.

Atingiu o limite de artigos que pode oferecer

Já ofereceu artigos este mês.
A partir de 1 de poderá oferecer mais artigos aos seus amigos.

Aconteceu um erro

Por favor tente mais tarde.

Atenção

Este artigo só pode ser lido por um utilizador registado com o mesmo endereço de email que recebeu esta oferta.
Para conseguir ler o artigo inicie sessão com o endereço de email correto.