Um Hércules C-130 da Força Aérea da Nova Zelândia transportou esta terça-feira para Timor-Leste mais de 4,8 toneladas de equipamentos de proteção para apoio ao combate à Covid-19 no país.

O embaixador da Nova Zelândia em Díli, Peter Hewitt, disse à Lusa que o apoio foi solicitado pelas autoridades timorenses na semana passada para reforçar as condições das equipas envolvidas na linha da frente do combate à doença. “Trata-se de apoio no âmbito do Programa de Assistência da Nova Zelândia. Estamos disponíveis para continuar a responder a pedidos adicionais do Governo timorense e a fornecer esta assistência dentro das nossas capacidades”, adiantou. O apoio é particularmente importante numa altura em que estão a aumentar significativamente o número de casos ativos no país e se multiplicam as ações de testes e rastreio de contactos para tentar conter os vários focos, especialmente em Díli, sublinhou.

“O equipamento permite responder a cerca de 500 casos da covid-19. São 553 caixas de equipamentos de proteção, incluindo máscaras, luvas, batas”, indicou.

A ministra dos Negócios Estrangeiros timorenses, Adaljiza Magno, agradeceu o apoio neozelandês, sublinhando a assistência que o país tem dado a Timor-Leste desde o período após o referendo de 1999. Os bens entregues agora somam-se ao apoio de cerca de 1,5 milhões de dólares (1,26 milhões de euros) dados em 2020 pela Nova Zelândia a Timor-Leste em assistência relacionada com a Covid-19.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

“O nosso respeito e apreço vai para todos os funcionários dos setores da saúde, da segurança e das infraestruturas, da linha da frente, que estão a trabalhar dia e noite para controlar o contágio da covid-19”, referiu Hewitt. “O combate à covid-19 é um esforço conjunto e a Nova Zelândia e os restantes parceiros de desenvolvimento estão disponíveis para continuar a apoiar Timor-Leste neste momento difícil”, destacou.

Timor-Leste regista atualmente 211 casos ativos, quatro cercas sanitárias em vigor e três municípios com confinamento obrigatório, incluindo a capital, Díli.