A Guiné-Bissau registou dois novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo dados divulgados este domingo pelo Alto Comissariado para a Covid-19.

Segundo o boletim diário divulgado hoje, os dois casos foram reportados no sábado, registando a Guiné-Bissau um total acumulado de 3.712 infeções desde o início da pandemia.

O Alto Comissariado para a Covid-19 indica também que mais 12 pessoas foram dadas como recuperadas, elevando o número de doentes curados para 3.142.

Ainda segundo o boletim diário, sete pessoas estão internadas e há neste momento 498 casos ativos no país.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Desde o início da pandemia, registaram-se 66 óbitos associados à doença.

O Governo da Guiné-Bissau decretou o estado de calamidade no país até 24 de abril, mas decidiu permitir a retoma do campeonato nacional de futebol, sem público nos estádios, e o exercício coletivo de liberdade religiosa nas igrejas, mesquitas e outros locais de culto com metade da lotação prevista.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 3.011.975 mortos no mundo, resultantes de mais de 140,6 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.