Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

“Eles não me dão privacidade, até o meu amigo Gary me está a perturbar. É assim a minha vida…”. Quando ia arrumando no porta bagagens do carro os seus pertences pessoais como um enorme quadro com o filho José Mário, José Mourinho agarrou no telefone e decidiu fazer um curto vídeo com o telemóvel. Para recordar? Não, era mesmo para partilhar com os quase dois milhões de seguidores no Instagram, como o próprio assumiria de seguida. Mas mais do que as palavras que teve ou não teve, foi numa reação que o português disse tudo.

Caiu mais uma bomba no Tottenham: Mourinho despedido a menos de uma semana de disputar final da Taça da Liga

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.