Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Começa a ficar quentinha a corrida à Câmara Municipal de Lisboa. Com Fernando Medina sob fogo, a ter de lidar com um embaraço chamado Manuel Salgado e o sensível dossiê que envolve os festejos do Sporting, Carlos Moedas lançou uma campanha de cartazes contra aquilo que diz serem as promessas falhadas do adversário.

Já depois de ter dito que “as promessas na boca de Medina não valem nada”, Moedas apostou num conjunto de outdoors que deixam pouca margem para segundas interpretações. O social-democrata pintou alguns dos pontos centrais da cidade com frases como “Prometi mais habitação acessível mas deu barraca. Menos de 350 casas entregues em 6.000 prometidas” ou “Prometi 14 centros de saúde. Já consegui fazer um”.

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.