Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

*Em atualização

Depois de o Chelsea ter vencido o Manchester City e se ter sagrado campeão europeu pela segunda vez na história, a Polícia fez duas detenções na Baixa do Porto, confirmou o Observador. Fonte oficial da PSP diz que foram detidas duas pessoas “por agressão a elementos policiais”, que foram depois encaminhadas para a 9ª Esquadra do Infante. A SIC avança que a Baixa do Porto está com reforço policial e que foram detidas outras duas pessoas por contrafação de material e equipamento desportivo.

Quando o Porto passou a “Oporto”: o dia em que os ingleses invadiram a Invicta (e houve tudo menos “bolha”)

A Lusa acrescenta que os dois adeptos são ingleses e que o agente ferido foi conduzido ao Hospital Santo António para ser saturado na face. A PSP tem no terreno mil agentes incumbidos de assegurar que os festejos não resultam em mais incidentes.

Com a zona da Ribeira fechada pela PSP após o final do jogo que o Chelsea venceu por 1-0, adeptos do Manchester City rumaram para a Avenida dos Aliados, de onde começavam também a sair os adeptos adversários, acabando por ocorrer algumas escaramuças.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O Chelsea sagrou-se campeão depois de Havertz ter feito um golo, perto do intervalo. A final da Liga dos Campeões trouxe milhares de adeptos à Invicta. A Navegação Aérea de Portugal (NAV) atribuiu cerca de 500 voos entre 27 e 31 de maio para o aeroporto do Porto, relacionados com o jogo.