Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

O Wolverhampton oficializou esta quarta-feira a contratação do treinador Bruno Lage. A confirmação surge depois de várias notícias que davam conta do interesse do clube inglês no técnico e da deslocação do português a Inglaterra para discutir os termos do contrato, no final de maio.

Lage, que estava sem clube desde que saiu do Benfica, a quatro jornadas do final da Primeira Liga de 2019/20, depois de ter ganho um campeonato e uma Supertaça, vai substituir um outro português, Nuno Espírito Santo, que estava no Wolverhampton desde 2017.

Trata-se de um regresso a Inglaterra da parte de Bruno Lage. O técnico de 45 anos foi adjunto de Carlos Carvalhal, no Swansea e no Sheffield Wednesday, e teria vontade de regressar aos relvados ingleses, tendo por isso recusado outras abordagens que lhe foram feitas por clubes nacionais e europeus.

Bruno Lage a caminho do Wolverhampton. Técnico já viajou para Inglaterra para discutir condições