“Escaldante”, “estilo telenovela”, “íntimo”, são as etiquetas usadas no menu da Netflix para categorizar o seu novo líder de audiências em Portugal. Também o poderíamos descrever como um “Donas de Casa Desesperadas” meets “Sexo e a Cidade” meets “50 Sombras de Grey”. “Sex/Life” é uma fantasia playboy para mamãs — não somos nós que o dizemos, é o que a série assume querer ser. Porque é que lidera momentaneamente o top dos mais vistos? Por isso: porque, como “50 Sombras de Grey”, é rebeldia descafeinada, sonho erótico de gente boa armada em má, coisa pretensamente transgressiva, depois de cumprir todas as normas de segurança.

No centro da história está Billie, uma bela mulher agora esposa e mãe a tempo inteiro, dedicada ao marido supostamente perfeito e aos dois filhos adoráveis. O problema é que Billie sente falta de quem era: parafraseando a nossa cultura popular, arredondemos isto para uma louca na cama, antes da lady na mesa. E é logo agora que, do passado, emerge o ex-namorado bad boy, “impossivelmente sexy”, para a atormentar e fazer pôr tudo em causa… Sim, car@ leitor@, Billie está confrontada com um dilema dilacerante: ela casou com o Ken, mas apetecia-lhe o Action Man.

A parte mais divertida nesta criação de Stacy Rukeyser a partir do romance 4 Chapters About 4 Men, de BB Easton, é que ela parece firmemente convencida em colocar-nos, de facto, perante um dilema. Uma escolha. Dois mundos opostos, alegadamente figurados na dupla leitura do título (“Sex/Life” é tanto “Vida Sexual” como “Sexo-barra-Vida”): de um lado, a aventura, a tentação, a transgressão; do outro, o amor, a estabilidade, a família. Mas o que Rukeyser realmente nos dá é uma mulher que se derrete por malas Chanel e piscinas de água aquecida em rooftops, “dividida” entre dois tipos lindos, musculados, ricos e bem-sucedidos. Oh, a tragédia.

[o trailer de “Sex/Life”:]

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.