Há 213 incêndios ativos na Colúmbia Britânica, Canadá, 37 dos quais deflagraram nos últimos dias, entre domingo e segunda-feira. Pelo menos 24 terão sido causados por relâmpagos e apenas dois são atribuídos à atividade humana, de acordo com a agência nacional do Ambiente, citada pelo canal público CBC.

O risco de incêndio na maior parte da Colúmbia Britânica, a província do extremo oeste do país, continua classificado como alto. Esta zona está a sofrer uma forte onda de calor há mais de uma semana, que já provocou centenas de mortes. O fenómeno extremo estará na origem de dezenas de incêndios florestais e inundações, que agravam os problemas climáticos já existentes no oeste.

À rádio Observador, Bruno Dias, um português a viver em Vancouver, explica que o país foi apanhado de surpresa pelas temperaturas elevadas, quando no verão os termómetros não costumam ultrapassar os 30ºC. Há unidades de ar condicionado esgotadas e hotéis com lotação máxima, conta.

Onda de calor no Canadá. “Há chuveiros na rua para as pessoas se refrescarem”

Estão atualmente em vigor ordens de evacuação para regiões afetadas por cinco incêndios florestais, incluindo um perto da vila de Lytton que já atingiu 76 quilómetros quadrados, mas não cresceu significativamente nos últimos dias. Mais de 1.300 casas foram até agora evacuadas e continuam pessoas desaparecidas na Colúmbia Britânica.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

“A nossa pequena vila de Lytton foi-se”. Incêndio devastou localidade no Canadá, com temperaturas próximas dos 50º C

Um dos incêndios que causa mais preocupações no país foi designado “Kenora 51”, este noutra província, em Ontário, mais a leste, no parque Woodland Caribou, relatado inicialmente há cerca de um mês e que já atingiu mais de 22.200 hectares. Ainda de acordo com o canal público canadiano, nesta província do sudeste do Canadá a área ardida este ano (77.900 hectares) permanece ainda abaixo da média dos últimos dez anos (mais de 93 mil, anualmente) — apesar de a quantidade de fogos reportados ter sido maior do que a respetiva média.

“Cúpula de calor” está a causar centenas de mortos, temperaturas até 50ºC e incêndios no Canadá. Que fenómeno é este?