Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

A Kia prossegue a sua ofensiva de produto, carregando na tecla que mais vendas assegura, os SUV, agora com a revelação da quinta geração do popular Sportage que representa a marca sul-coreana no disputado segmento C, onde concorrem modelos como o Volkswagen Tiguan, o Nissan Qashqai, o Peugeot 3008, o Seat Ateca, o Skoda Karoq ou o Renault Kadjar.

Mas os rivais do SUV sul-coreano do segmento C poderiam continuar a ser enumerados e, como a lista é extensa e a Kia quer conquistar um quinhão maior no mercado europeu, o fabricante de Seul optou por “afinar o tiro” concebendo, pela primeira vez na história da marca, uma versão do Sportage especificamente projectada para ir ao encontro do gosto dos condutores do Velho Continente, cuja revelação está agendada para o próximo dia 1 de Setembro.

Até lá, para amenizar a espera e levantar a ponta do véu sobre o que se pode esperar nesta nova geração do SUV compacto, a Kia libertou os primeiros esboços, deixando ver que o Sportage que vai chegar ao mercado português no primeiro trimestre do próximo ano exibe um estilo muito mais expressivo. Em particular, na secção dianteira, com uma grelha preta mais rasgada a enfatizar a largura, que se conjuga com grupos ópticos de design mais assertivo, sem prescindir das típicas luzes de circulação diurna em LED, na característica forma de boomerang, convocando logo à primeira vista uma imagem mais musculada.

Essa impressão prolonga-se no perfil compacto, delimitado no topo por um tejadilho preto – uma estreia na gama que acentua a ligeira inclinação do pilar C, outra das tendências do momento sempre que se pretende um certo estilo coupé. Atrás, perseguindo o mesmo apelo desportivo e, simultaneamente, robusto, o destaque vai para o pára-choques preto aliado a linhas de ombros mais largas que se fundem nos farolins traseiros, também aqui em LED. De referir, ainda, o novo logótipo da Kia, mais moderno e estilizado.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Segundo a marca, o Sportage de última geração vai reforçar a sua dotação tecnológica, seja em matéria de conectividade ou de segurança, com a integração de novos sistemas de ajuda à condução. Sem adiantar muito mais, a Kia sublinha que a 5.ª geração do SUV foi concebida e desenvolvida no sentido de posicionar o Sportage como um modelo “que redefine as referências do segmento”, para o que contribui o facto de usufruir de uma nova arquitectura e de “grupos motopropulsores avançados de elevada resposta, mas económicos”.

Enquanto o Sportage fora da Europa cresce para os 4,66 m de comprimento e 2,75 m na distância entre eixos, a versão europeia fica-se, respectivamente, pelos 4,48m e 2,68 m, essencialmente as mesmas dimensões do SUV actual.