O cabeça de lista do PAN à Câmara de Coimbra, Filipe Reis, propõe um programa municipal para a igualdade, nomeadamente com medidas para ajudar vítimas de violência doméstica.

“Houve um fenómeno que se verificou, que foi o aumento de casos percecionados de violência doméstica, apesar de haver menos queixas, e que resultou desde logo da questão do confinamento”, começou por dizer o candidato à agência Lusa.

Segundo o candidato, houve “mais tempo com o agressor, menos tempo para pedir ajuda”.

Filipe Reis refere que, para além do próprio problema da violência doméstica, há sempre vários problemas, sejam eles relacionados com a habitação, com animais ou outros fatores.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

“Muitas vezes a vítima de violência doméstica tem vários problemas além dela própria, que são as crianças, os animais, portanto, primeiro queremos que haja prioridade dessas pessoas para o alojamento, que sejam aceites animais de companhia”, referiu.

Para além desta medida, o partido Pessoas-Animais-Natureza (PAN) quer que seja feita a “identificação da violência sobre os animais de companhia como indicador de possível violência doméstica”, sublinhou.

O cabeça de lista do PAN, Filipe Reis, explicou ainda que está previsto no seu programa a sinergia entre a Câmara Municipal e as associações, de modo “aproveitar o conhecimento e o trabalho feito”, como uma mais-valia para a cidade.

O PAN defende um conjunto de medidas que incluem a sensibilização da sociedade, quer ao nível das escolas, a começar no pré-escolar, quer ao nível da educação para os afetos, no qual estão incluídas as questões para a igualdade de género, distinção da criança de uma relação afetiva como forma de prevenção do abuso.

O candidato propõe a criação de um Plano Municipal para a Igualdade, acompanhado pela criação de um Conselho Municipal para a Igualdade.

Neste programa o partido pretende “dar o exemplo na própria gestão da câmara”, nos vários serviços, nomeadamente ao nível das lideranças.

Integrado neste programa, o candidato propõe também a criação de “selos” municipais de boas práticas, de modo a promover a igualdade de género em empresas privadas e institutos.

Assim como “há um selo para limpeza da Covid-19”, existir um selo para as instituições que têm uma política de igualdade de género “comprovada”.

Todas estas medidas integram no Plano Municipal para a Igualdade.

Nas eleições marcadas para dia 26 concorrem à Câmara Municipal de Coimbra o atual presidente, Manuel Machado (PS), José Manuel Silva (Juntos Somos Coimbra — PSD/CDS-PP/Nós, Cidadãos!/PPM/Volt/RIR /Aliança), Gouveia Monteiro (Cidadãos por Coimbra), Miguel Ângelo Marques (Chega), Filipe Reis (PAN), Inês Tafula (PDR/MPT), Francisco Queirós (CDU) e Tiago Meireles Ribeiro (Iniciativa Liberal).