O candidato da coligação liderada pelo PSD à Câmara de Évora, Henrique Sim-Sim, prometeu esta terça-feira avançar com um “amplo projeto de valorização do espaço público” e resolver “o problema crónico” da falta de higiene e limpeza urbana.

“Pretendemos, nos primeiros 100 dias, desenvolver um amplo projeto de limpeza e de valorização do espaço público”, afirmou à agência Lusa o cabeça de lista da coligação “Mudar com confiança”, formada por PSD, CDS-PP, MPT e PPM.

Henrique Sim-Sim falava à margem de uma ação de campanha junto às instalações do serviço municipal de higiene e limpeza, no largo de Machede Velho, uma das portas do centro histórico, que incluiu contactos com trabalhadores do município.

Segundo o candidato da coligação de centro-direita, a cidade de Évora “sofre de um problema crónico” relacionado com a “higiene e limpeza pública urbana”.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

“São os cheiros das sarjetas, é o lixo que se acumula e são os contentores e os depósitos do centro histórico [para os resíduos sólidos urbanos] que não são lavados e higienizados”, apontou.

O cabeça de lista da coligação “Mudar com confiança” adiantou que a intervenção proposta abrange a lavagem de ruas e de contentores, a reabilitação e valorização do espaço público e a criação de novas zonas verdes.

“São pequenos investimentos que são necessários fazer e que não têm um grande custo no orçamento municipal, mas, sem dúvida, conferem uma outra qualidade ao espaço público da nossa cidade”, sublinhou.

Quanto à reabilitação e valorização do espaço público, revelou Henrique Sim-Sim, a zona das Portas de Avis é uma das prioridades, mas estão também previstas intervenções no Rossio de São Brás e na Horta das Laranjeiras.

A zona das Portas de Avis “tem que ser requalificada”, referiu, defendendo a conclusão da ligação pedonal do Bacelo ao centro histórico, a reorganização do estacionamento e a colocação de elementos que embelezam o espaço.

O cabeça de lista da coligação PSD/CDS-PP/MPT/PPM propôs também a mudança do serviço municipal de higiene e limpeza das atuais instalações do Largo de Machede Velho para outro local e a criação neste espaço de uma zona ajardina.

“Este serviço tem que sair daqui, têm que se criar melhores condições de trabalho para os trabalhadores e os moradores do centro histórico não têm que ter este vizinho”, defendeu.

A realização de “um forte investimento” na aquisição de veículos para a higiene e limpeza urbana, com apoio do Fundo Ambiental, e a reorganização da gestão deste serviço municipal são outras propostas do candidato.

Nestas eleições, além de Henrique Sim-Sim, estão na corrida à Câmara de Évora o presidente do município, Carlos Pinto de Sá (CDU — PCP/PEV), José Calixto (PS), Raul Rasga (BE), Florbela Fernandes (coligação formada por Nós, Cidadãos!/RIR) e Carlos Magno Magalhães (Chega).