Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

O sul de Espanha, da fronteira traçada pelo Guadiana até Córdoba, foi atingido por chuvas fortes e queda de granizo. As províncias de Badajoz e Córdoba estão entre as mais afetadas.

A tempestade causou grandes inundações, levou ao corte de estradas, deixou dezenas de caminhos rurais intransitáveis, originou a queda de árvores e deixou algumas povoações sem eletricidade.

Vídeos captados em várias localidades mostram que a água corria nas estradas como num rio de caudal violento, empurrando carros e contentores, e deixando um rasto de destruição nesses locais.

Vários municípios da região da Extremadura e Andaluzia, assim como as ilhas Baleares, estão com alerta laranja devido à passagem da depressão que causa queda de chuva intensa. A zona de Cáceres, assim como o litoral este, de Barcelona a Alicante estão com alerta amarelo, segundo a Agência Estatal de Meteorologia (Aemet). Na sexta-feira, o alerta amarelo estará nos municípios do centro do país, da região de Castilla La Mancha e Madrid.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Os habitantes das várias cidades atingidas foram partilhando, no Twitter, vídeos das cheias.

Huelva

Mérida

Granada

Córdoba