Tudo começa com um grande nó na nossa cabeça. Até metade da temporada só se acrescentam equações complexas e problemas, como se também isso fizesse parte do grande plano de Hari Seldon (Jared Harris), o matemático que prevê o colapso do Império Galáctico em “Foundation”, a nova série da Apple TV+ que se estreia esta sexta-feira, 24 de setembro.

Se estivesse a fazer zapping na televisão e visse uma cena ao acaso, podia jurar que era um dos filmes da saga “Star Wars”. Há vários planetas, civilizações, humanos e não-humanos e uma guerra constante na Galáxia. Neste momento já devo ter alguns emails dos fãs de ficção científica a dizer que estou cega, que não percebo nada disto, que esta produção se baseia nos livros de Isaac Asimov. Isso eu sei, mas a comparação fácil só pretende demonstrar que “Foundation” vai agradar a quem adora “Star Wars”, “The Mandalorian” e por aí fora.

Quem não está familiarizado com a obra de Asimov, publicada nos anos 50, vai ter que prestar muita atenção no início — se calhar até escrever umas notas num bloco para não se perder nos conceitos, hierarquias, povos e até dialetos. Estamos num futuro distante com uma guerra, prevista nos cálculos de Seldon, que pode durar 30 mil anos. A não ser que se cumpra um plano idealizado pelo matemático. O Império não quer e manda-o para o exílio — mas tudo isso já fazia parte do plano de Hari Seldon. Estão a acompanhar? É mais fácil perceber a ver — os dois primeiros episódios ficam disponíveis na estreia — do que a ler este resumo mas, devo confessar, que estava com grandes expetativas e a série não me agarrou facilmente.

[o trailer de “Foundation”:]

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.