Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Em setembro de 2021 houve menos mortes, em geral, do que em agosto deste ano ou em setembro de 2020, mas o número de óbitos com Covid-19 aumentou em relação a setembro do ano passado, segundo o relatório do Instituto Nacional de Estatística (INE) divulgado esta sexta-feira.

Óbitos Total Óbitos Covid-19
Setembro 2021 8.541 222
Agosto 2021 9.196 388
Setembro 2020 8.994 153

Entre 6 de setembro e 3 de outubro (semanas 36 a 39), o número de óbitos situou-se acima da média de 2015-2019. Na semana 39 registaram-se 1.969 óbitos, dos quais 45 foram por COVID-19, representando, 2,3% do total de óbitos”, lê-se no relatório.

Apesar do ligeiro aumento, mais 69 óbitos com Covid-19 em setembro deste ano, os valores estão longe dos registados em janeiro de 2021, o mês com mais mortes totais e com Covid-19 desde o início da pandemia. No total foram registados 19.671 óbitos, 5.785 dos quais com Covid-19 (2.036, só na semana de 25 a 31 de janeiro). Este mês registou mais 7.809 óbitos do que em janeiro de 2020.

O número de óbitos com Covid-19 desceu até maio de 2021, quando atingiu um mínimo de 49, tendo voltado a subir nos meses seguintes, especialmente julho e agosto — com mais mais 110 e 301 óbitos, respetivamente, do que nos mesmos meses de 2020.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Já em relação à mortalidade geral, “entre março e julho de 2021, o número de óbitos continuou a decrescer comparativamente com os valores registados nos mesmos meses de 2020”, descreve o INE no relatório.

Ainda assim, comparando o total de óbitos, de janeiro a setembro, 2021 tem mais 4.541 mortes que 2020 — num total de 93.845 e 89.304, respetivamente.