Pelo menos quatro pessoas morreram esta segunda-feira no Equador, apanhados por uma avalanche quando escalavam a montanha Chimborazo, no centro do país, informaram os serviços de emergência.

“Confirmamos que quatro pessoas morreram e uma outra ficou ferida”, adiantaram as autoridades equatorianas, ao adiantar que um total de doze pessoas foram atingidas pela avalanche.

Em comunicado, a mesma fonte adiantou que este grupo “escalava o Chimborazo coberto de neve quando uma avalanche os atingiu a 6.100 metros” acima do nível do mar.

O Chimborazo é o pico vulcânico mais alto dos Andes equatorianos, com 6.263 metros de altitude, e localizado perto de Riobamba, a cerca de 180 quilómetros o sul de Quito.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Segundo o Serviço Integrado de Segurança, a operação de busca e salvamento continua a decorrer na área da avalanche, onde foi instalado um posto de comando que coordena as diversas entidades que participam do resgate.

Este grupo de 12 turistas terá sido apanhado de surpresa pelas condições climatéricas adversas que se verificavam no local.