O prémio The Best, entregue pela FIFA para distinguir o melhor jogador do ano de 2021, será conhecido a 17 de janeiro de 2022, anunciou esta terça-feira a Federação Internacional de Futebol (FIFA). A cerimónia decorrerá virtualmente, “em linha com as medidas sanitárias”, acrescentou a FIFA, tendo em conta a pandemia de Covid-19.

Ainda de acordo com o organismo, o processo de votação para as diversas categorias, que inclui melhor jogador, melhor treinador, melhor guarda-redes, em masculinos e femininos, entre outros, decorrerá entre 22 de novembro e 10 de dezembro de 2021.

No último ano, o avançado internacional polaco Robert Lewandowski (Bayern Munique) foi distinguido como o melhor futebolista do ano, à frente do português Cristiano Ronaldo (Juventus) e do argentino Lionel Messi (FC Barcelona).

O polaco venceu o prémio The Best, num ano em que a France Football não atribuiu prémio, devido à pandemia da Covid-19, sendo a primeira vez, desde 1956, que a publicação francesa não premiou qualquer jogador.

Este ano a France Football voltará a distinguir o melhor jogador, a quem entregará a Bola de Ouro referente a 2021. Já este ano, a UEFA entregou o prémio de melhor jogador a Jorginho, futebolista que venceu o Euro2020, com a Itália, e foi campeão europeu de clubes, ao vencer na final da Liga dos Campeões com o Chelsea.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR