O apoio a projetos de internacionalização da Direção-Geral das Artes (DGArtes) vai abranger 71 iniciativas este ano, mais 10 do que na edição anterior do programa, anunciou aquela entidade.

No total, a verba para esta linha de apoio é de 720 mil euros e pretende apoiar “a internacionalização das artes e da cultura portuguesa, através da cooperação com outros países”, de acordo com comunicado publicado na página da DGArtes.

Ainda sem divulgar a lista final devido ao período de audiência de interessados, a DGArtes elencou as áreas das quais provêm os candidatos apoiados: 25 de música, 17 de teatro, 11 de artes plásticas, sete de cruzamento disciplinar e cinco de dança.

“A dinamização da arte e da cultura portuguesa em França e em Espanha é, este ano, o objetivo estratégico deste Programa de Apoio, tendo em conta o contexto propiciado pela realização da Temporada Cruzada Portugal-França e considerando a opção estratégica da política externa portuguesa que privilegia o fortalecimento das relações com os países mais próximos, no caso Espanha, no quadro do desenvolvimento das relações bilaterais”, pode ler-se na página da DGArtes.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Os candidatos podiam solicitar montantes entre mil e 20 mil euros e os projetos devem ser realizados entre 01 de janeiro de 2022 e 30 de junho de 2023.

As candidaturas foram avaliadas por uma comissão de apreciação, presidida pelo técnico superior da DGArtes Paulo Carretas, que integrava os especialistas António Caldeira Pires e Daniel Tércio como membros efetivos.