Aston Martin Db11 V8 auto

  • Geral
  • Carroçaria
  • Mecânica
  • Prestações
Marca ASTON MARTIN
Modelo DB11
Designação comercial Coupé
Código formato CP
Tipo de carroçaria Coupés
Versão V8 auto
ISV N.D.
PVP 245.081€
Número de portas 2
Número de lugares 4
Comprimento 4750 mm
Largura 1950 mm
Altura 1290 mm
Distância entre eixos 2805 mm
Tara 1835 Kg
Bagageira 270 l
Depósito de combustível 78 l
Pneus frente 255/40 R20
Pneus atrás 295/35 R20
Combustível Gasolina
Cilindrada 3982 CC
Número de cilindros 8
Potência máxima / Rotação de pot. Max. 510 CV/6000
Binário máximo / Rotação de binário máximo 685 /2000-5000
Tipo de tracção Traseira
Transmissão Caixa de velocidades automática
Detalhes do sistema de transmissão 8 Velocidades
Velocidade máxima 300 Km/h
Aceleração 0 a 100 km/h 3.9 s
Consumo médio 9.9 l
Emissões CO2 230 g/km
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção: auto@observador.pt
Governo

O governo de Sócrates é o maior problema de Costa

João Marques de Almeida

A transformação do ‘problema Sócrates’ no ‘problema do governo Sócrates’ será o maior obstáculo a uma maioria absoluta do PS em 2019 - pois afinal foi numa maioria absoluta do PS que tudo aconteceu.

Futuro

Acessibilidade digital e valorização do interior

António Covas

Quando se fala do futuro próximo do interior é bom não esquecer que em 2030 a geração dos nativos digitais já terá pelo menos 30 anos e os ecossistemas digitais serão o quadro de atuação mais comum.

Liberalismo

Subir a Avenida da Liberdade no 25 de Abril

Sérgio Loureiro

Gostava mais se fôssemos subir a Avenida da Liberdade. Subir para chegar a um Portugal e uma Europa melhores. Subir para que a Liberdade seja individual e plena, e não apenas a tolerada pelo Estado.

Futuro

Acessibilidade digital e valorização do interior

António Covas

Quando se fala do futuro próximo do interior é bom não esquecer que em 2030 a geração dos nativos digitais já terá pelo menos 30 anos e os ecossistemas digitais serão o quadro de atuação mais comum.

Liberalismo

Subir a Avenida da Liberdade no 25 de Abril

Sérgio Loureiro

Gostava mais se fôssemos subir a Avenida da Liberdade. Subir para chegar a um Portugal e uma Europa melhores. Subir para que a Liberdade seja individual e plena, e não apenas a tolerada pelo Estado.

Comparar

Só mais um passo

Ligue-se agora via

Facebook Google

Não publicamos nada no seu perfil sem a sua autorização. Ao registar-se está a aceitar os Termos e Condições e a Política de Privacidade.

E tenha acesso a

  • Comentários - Dê a sua opinião e participe nos debates
  • Alertas - Siga os tópicos, autores e programas que quer acompanhar
  • Guardados - Guarde os artigos para ler mais tarde, sincronizado com a app
  • Histórico - Lista cronológica dos artigos que leu unificada entre app e site