Dark Mode 96,7 kWh poupados com o MEO
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Hoje é um bom dia para mudar os seus hábitos. Saiba mais

i

Faça o quiz e confirme se é capaz de responder às principais questões do novo coronavírus.

Faça o quiz e confirme se é capaz de responder às principais questões do novo coronavírus.

Acha que sabe tudo sobre a Covid-19? Teste os seus conhecimentos /premium

A Covid-19 foi o centro das atenções durante meses. Espalhou-se a uma velocidade alucinante, virando a vida do avesso. Com o lento retomar da normalidade, persistem algumas incertezas. Faça o quiz.

Que vírus é este, de nome SARS-CoV-2, que em poucos meses se espalhou pelo mundo inteiro, infetando milhares de pessoas? Por que é tão contagioso? Pode ser mortal para as pessoas saudáveis? E os cientistas já descobriram uma vacina, ou um cocktail de medicamentos, para o combater? Trata-se com antibióticos?
Para algumas destas questões, há mais incertezas do que respostas concretas. Isto apesar de cientistas de todo o mundo, incluindo Portugal, se terem lançado no estudo deste inimigo microscópico, que surgiu em dezembro na China, e desde então nunca mais parou de se movimentar, causando milhares de mortos e pondo de quarentena mais de 4 mil milhões de pessoas.

Com o regresso lento e gradual à normalidade, é essencial esclarecer algumas incertezas que ainda persistem na opinião pública, apesar da avalanche informativa dos últimos meses. Esta é a hora certa para testar os seus conhecimentos a partir do que ciência já sabe – e do que ainda está a ser investigado. Toda a informação recolhida pelo Observador, e que consta no quiz, está disponível no site da Direção-Geral de Saúde e na plataforma “covid19estamoson.gov.pt”, um guia prático disponibilizado pelo Governo que reúne todas as informações relevantes sobre as medidas de prevenção e contenção do novo coronavírus.

Teste aqui os seus conhecimentos sobre a Covid-19, veja os resultados e encontre as explicações para cada resposta no final do artigo.

A explicação das respostas

1. SARS-CoV-2 é o mesmo que Covid-19?
Resposta correta: Não. SARS-CoV-2 é o nome do novo vírus e significa Síndrome Respiratória Aguda Grave. Covid-19 é o nome da doença e significa Doença por Coronavírus, fazendo referência ao ano em que foi descoberta, em 2019.

2. A Covid-19 é o mesmo que a gripe?
Resposta correta: Não. Embora os vírus que causam a Covid-19 e a gripe sejam transmitidos de pessoa para pessoa e possam causar sintomas semelhantes, os dois vírus são muito diferentes e não se comportam da mesma maneira. A doença Covid-19 é causada por um novo vírus que se designa SARS-CoV-2. A gripe é causada pelo vírus influenza.

3. Qual o período de incubação da Covid-19?
Resposta correta: 2 e 14 dias é o período de incubação da doença (tempo decorrido desde a exposição ao vírus até ao aparecimento de sintomas), segundo a DGS.

4. Quanto tempo pode permanecer o coronavírus no organismo?
Resposta correta: Ainda não há certeza científica. Em média, 20 ou 21 dias, mas há casos que chegam aos 37 ou mais dias.

5. A infeção por Covid-19 apresenta mais riscos para quem tem doenças cardíacas?
Resposta correta: Sim. Ter fatores de risco cardiovascular, tais como diabetes ou hipertensão arterial, aumenta o risco de infeção.

6. Os fumadores têm maior risco de contrair a Covid-19?
Resposta correta: Não há certeza científica. No entanto, se o fumador já tiver problemas respiratórios ou cardíacos, isso pode contribuir para o agravamento da situação clínica, caso seja diagnosticado com a Covid-19.

7. As criança ou jovens com diabetes tipo 1 são um grupo de risco?
Resposta correta: Sim. Qualquer pessoa com diabetes, independentemente da sua idade, tem sempre um maior risco se ficar doente com a Covid-19, embora o risco seja sempre superior nos mais idosos.

8. A Covid-19 pode ser mortal para pessoas saudáveis?
Resposta correta: Sim. O vírus pode ser mortal para pessoas saudáveis.

9. A taxa de mortalidade da Covid-19 é maior do que o vírus da gripe?
Resposta correta: Sim. A taxa global de mortalidade do coronavírus  ronda os 3,4%, sendo que a taxa de mortalidade global da gripe sazonal é de 0,1%, segundo os últimos dados.

10. É verdade que as crianças não são afetadas pela Covid-19?
Resposta correta: Não. Os números epidemiológicos, no entanto, revelam que a doença aparenta ser de menor gravidade.

11. Antes do aparecimento de sintomas, é possível transmitir Covid-19?
Resposta correta: Sim. É possível transmitir a infeção cerca de um a dois dias antes do aparecimento dos sintomas, no entanto, é durante o período sintomático que a infeção se espalha mais facilmente, mesmo que os sintomas sejam leves e muito inespecíficos.

12. A Covid-19 só se transmite por contacto próximo com pessoas infectadas?
Resposta correta: Não. A doença pode transmitir-se de duas formas: por contacto próximo com pessoas infetadas pelo novo coronavírus (transmissão direta) ou através do contacto com superfícies e objetos contaminados (transmissão indireta). A transmissão por contacto próximo ocorre através de gotículas libertadas pelo nariz ou boca quando tossimos ou espirramos, que podem atingir diretamente a boca, nariz e olhos de quem estiver próximo. As gotículas podem também depositar-se nos objetos ou superfícies que rodeiam a pessoa infetada — e contaminar pessoas que possam tocar nesses objetos ou superfícies e depois tocar nos olhos, nariz ou boca com as mãos.

13. Estive próximo de alguém com Covid-19 mas não tenho sintomas. Devo fazer o teste?
Resposta correta: Só os casos suspeitos de infeção pelo novo coronavírus com sintomas como febre, tosse ou dificuldade respiratória devem ser submetidos a estudo laboratorial. A DGS aconselha a evitar estar próximo de pessoas durante 14 dias porque pode estar a incubar a doença e não ter sintomas. Deve ainda medir a temperatura 2 vezes por dia tendo em atenção o aumento da temperatura. Contactar SNS24 (808 24 24 24).

14. É possível estar infetado com a Covid-19 e não saber?
Resposta correta: Sim. É possível estar infetado e não ter qualquer sintoma (assintomático). A infeção assintomática pode representar entre 13% e 50% dos casos, segundo relatam os especialistas com base na experiência noutros países. Algumas dessas infeções assintomáticas progridem para doença sintomática, enquanto outras permanecem sem sintomas.

15. Todos os casos confirmados de Covid-19 necessitam de internamento?
Resposta correta: Não. Nem todos os casos confirmados de Covid-19 necessitam de internamento, desde que apresentem um quadro clínico ligeiro e estável, tenham condições para permanecer em casa e esteja garantido o acompanhamento da equipa de saúde no domicílio.

16. O SARS-CoV-2 pode ser transmitido através de alimentos?
Resposta correta: Não existe, até ao momento, evidência de qualquer tipo de contaminação através do consumo de alimentos cozinhados ou crus, segundo a Autoridade Europeia para a Segurança Alimentar e a Organização Mundial da Saúde. Porém, deve aplicar-se o princípio da precaução, manutenção e reforço das boas práticas de higiene e segurança alimentar durante a manipulação, preparação e confeção dos alimentos.

17. Os suplementos alimentares ajudam no tratamento da Covid-19?
Resposta correta: Não existe evidência científica no que diz respeito à relação entre os suplementos alimentares e o reforço do sistema imunitário, não havendo nenhum suplemento alimentar que possa prevenir ou ajudar no tratamento da Covid-19, de acordo com a Direção-Geral da Saúde.

18. É seguro beber água da torneira?
Resposta correta: Sim. A água para consumo é tratada com uma pequena quantidade de cloro que a mantém livre de vírus e bactérias, o que garante que é limpa e segura para beber.

19. Os animais podem ser infetados por SARS-CoV-2?
Resposta correta: Sim. Agora que a infeção humana por Covid-19 está amplamente difundida na população mundial, existe a possibilidade de alguns animais ficarem infetados através do contacto próximo com seres humanos infetados. Cães, gatos e um tigre, por exemplo, já testaram positivo para Covid-19 após contacto próximo com humanos infetados. Estudos preliminares sugerem que as aves e os suínos não são suscetíveis ao novo coronavírus.

20. O vírus que causa a Covid-19 pode sobreviver em superfícies?
Resposta certa: Sim. Já há dados que confirmam que o vírus pode sobreviver em superfícies durante horas ou até dias, se as superfícies não forem limpas e desinfetadas com frequência. Estudos recentes mostram que o vírus da Covid-19 pode manter-se viável em superfícies como plástico ou metal durante 72 horas e em superfícies mais porosas como o cartão, por um período de 24h.

21. É importante desinfetar o tablet, telemóvel ou computador?
Resposta correta: Sim. Os ecrãs e os teclados devem ser limpos frequentemente, de preferência com toalhetes de limpeza e desinfeção rápida à base de álcool ou outro desinfetante com ação contra o vírus.

22. É possível contrair Covid-19 independentemente de estar frio ou calor?
Resposta correta: Sim. É possível contrair Covid-19 independentemente de estar frio ou calor. Não há qualquer evidência científica de que a transmissão seja minimizada em temperaturas elevadas.

23. Quantos tipos de máscara existem?
Resposta correta: 3. Existem três tipos de máscaras: máscaras cirúrgicas, máscaras não cirúrgicas e respiradores.

24. Posso lavar a máscara na máquina junto com outras peças de roupa?
Resposta certa: Sim. De preferência a temperaturas acima dos 60ºC porque a maioria dos vírus não sobrevive a essas temperaturas. A roupa que não pode ser lavada a altas temperaturas deve ser lavada utilizando um desinfetante específico. Em caso de sintomas de Covid-19, toda a roupa (máscara incluída) deve ser lavada a pelo menos 60-70ºC e pode ir até os 90ºC.

25. Se o transporte público estiver quase vazio é possível prescindir da máscara de proteção?
Resposta correta: Não. O Governo decretou a obrigatoriedade de utilização de máscaras nos transportes públicos, estabelecimentos comerciais, serviços de atendimento ao público, escolas e creches, segundo as regras do plano de desconfinamento.

26. O uso de viseira pode substituir a utilização da máscara?
Resposta correta: Não. A viseira é um complemento e protege principalmente as mucosas dos olhos. Deve ser usada em conjunto com a máscara.

27. Lavar as mãos com água e sabão durante 20 segundos é tão eficaz como higienizar com gel à base de álcool?
Resposta correta: Sim. Aliás, lavar as mãos com água e sabão é sempre a opção preferível quando as mãos estão visivelmente sujas.

28. O uso de luvas pode substituir a lavagem das mãos?
Resposta correta: Não. O uso de luvas na rua não é eficaz. Se forem usadas de forma errada, as luvas podem transmitir o vírus, em vez de serem um meio de proteção. O mais importante para evitar a transmissão do vírus, a este respeito, é lavar as mãos com frequência e sempre que estiverem sujas.

29. Não cumprir o isolamento em caso de infeção por Covid-19 é crime?
Resposta correta: Sim. Quem não cumprir o isolamento pode incorrer num crime de desobediência ou propagação de doença e ser punido com uma pena de prisão ou multa.

30. Estive doente com a Covid-19. Fiquei imune ao vírus?
Resposta correta: Ainda não se sabe. Existe evidência de que o organismo humano vai criando anticorpos, depois de ter contacto com o vírus, efeito esse que pode ser ampliado quando houver uma vacina, segundo a DGS. Mas ainda não se sabe a partir de que nível de anticorpos essa imunidade está assegurada ou quanto tempo durará. Segundo os especialistas, a maioria dos infetados terá alguma imunidade, mas provavelmente não será para toda a vida.

31. Já há vacina para a Covid-19?
Resposta correta: Não. Uma vacina contra a Covid-19 poderá estar pronta dentro de um ano, num cenário otimista, de acordo com a Agência Europeia de Medicamentos com base nos ensaios e investigação em curso.

32. Os antibióticos podem tratar ou prevenir a Covid-19?
Resposta correta: Não. Os antibióticos são dirigidos a bactérias, não tendo efeito contra vírus. A Covid-19 é provocada por um vírus, o SARS-CoV-2, e, como tal, os antibióticos não são efetivos na prevenção ou tratamento.

33. Existe algum tratamento disponível para a Covid-19?
Resposta correta: Não. Ainda não há um tratamento antiviral específico para o novo coronavírus. Muitos doentes estão ou chegaram a ser tratados com medicamentos desenhados para outras doenças — como ébola e malária, por exemplo, mas não há ainda certezas sobre a sua eficácia. E ainda esta semana vários países — incluindo Portugal — decidiram deixar de utilizar a hidroxicloroquina (para a malária) em doentes com Covid-19.

34. Em que continente se registaram, até agora, mais casos de Covid-19?
Resposta correta: América. O continente americano ultrapassou, em maio, a Europa no número de infetados com a Covid-19, ao registar cerca de 1,74 milhões de casos, tornando-se no novo foco mundial da pandemia.

35. Quantas pessoas já recuperaram da Covid-19 desde o início da pandemia?
Resposta correta: Mais de 2,6 milhões de doentes foram considerados curados, segundo os dados do Worldometer.

36. Pandemia e epidemia têm o mesmo significado?
Resposta correta: Não. Uma epidemia significa o aumento considerável do número de casos de determinada doença, em várias regiões ou países, num determinado período de tempo. Uma pandemia é a disseminação mundial de uma doença, que se espalhou por diferentes continentes, afetando um grande número de pessoas, com transmissão sustentada e na comunidade.

Recomendamos

A página está a demorar muito tempo.