Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

“Notre-Dame” é o livro que Ken Follett dedica à catedral de Paris que foi parcialmente destruída por um incêndio. É um livro que parte da visão pessoal do autor sobre os acontecimentos de abril para depois lembrar a história do monumento, além de refletir sobre  influência que a Notre-Dame teve na hora de escrever “Os Pilares da Terra”, provavelmente aquele que é o livro mais popular do escritor galês.

O Observador publica um excerto em que Ken Follet faz um resumo histórico dos momentos mais marcantes da construção da catedral.

“Notre Dame”, de Ken Follett (Presença)

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.