Azeite quase 30% mais caro

O Instituto Nacional de Estatística calcula que o azeite tenha, em 2018, um “aumento dos preços base” de 29,6%, segundo o “Público”. É o resultado de “um decréscimo de produção em volume” de 9,3%.

NUNO VEIGA/LUSA

Banca sobe comissões até 20%

O Santander Totta dá o tiro de partida do aumento dos preços da banca. Em algumas comissões, o aumento supera 20%, segundo o Jornal de Negócios. A alteração do preçário vigora a partir do dia 12 de janeiro de 2018.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Preços das casas trepam 5%

Os preços das habitações em Portugal subirão 5%, em média, nos próximos 12 meses, revela um inquérito a proprietários, promotores e agentes imobiliários, realizado em outubro pela Confidencial Imobiliário e pelo Royal Institution of Chartered Surveyors, citado pelo Expresso.

Getty Images

Pão sobe 2,5% com o aumento do salário mínimo

Se as panificadoras traduzirem o aumento do salário mínimo nacional totalmente nos clientes, o pão aumentará 2,5%. “Um aumento do SMN em 5% reflete-se num acréscimo dos custos de produção da ordem dos 2,5%”, lê-se no comunicado da Associação dos Industriais de Panificação, Pastelaria e Similares de Lisboa.

MÁRIO CRUZ/LUSA

Transportes públicos não aumentam mais de 2,5%

Em 2018, a atualização das tarifas de títulos de transporte público não pode ser superior a 2,5%, segundo o despacho dos gabinetes dos secretários de Estado do Tesouro, das Infraestruturas e Adjunto e do Ambiente. No entanto, os passes Lisboa Viva, Viva Viagem/7 Colinas e Andante não sofrem aumentos.

MARIO CRUZ/EPA

Preço do tabaco pode subir 2%

“No caso de um maço de tabaco que custe hoje 4,90 euros, estima-se que o imposto adicional será de 6 cêntimos”, calculou o fiscalista Afonso Arnaldo, da Deloitte, segundo a Lusa. “Um maço de tabaco que custe hoje 4,90 euros deverá passar a custar 5 euros”, concluiu, o equivalente a um aumento de 2%.

INÁCIO ROSA/LUSA

Cerveja 1,5% mais cara

O Orçamento do Estado para 2018 conduz a uma subida de 1,5% do Imposto sobre o Álcool e as Bebidas Alcoólicas, o que inclui, além de cerveja, espumantes, bebidas espirituosas e vinhos licorosos. Os refrigerantes também ficarão mais caros com o OE de 2018.

ANDREAS GEBERT/EPA

Portagens aumentam 1,42%

Os preços das portagens nas autoestradas nacionais deverão aumentar 1,42% em janeiro de 2018. Foi essa a taxa de inflação homóloga, sem habitação, em outubro passado, calculada pelo Instituto Nacional de Estatística.

JOSÉ COELHO/LUSA

Carros 1,4% mais caros

A Associação Nacional das Empresas do Comércio e da Reparação Automóvel calculou que os automóveis novos ficarão 1,4% mais caros em 2018 com a revisão do Imposto sobre Veículos.

Rendas crescem 1,12% em 2018

As casas arrendadas ficarão mais caras no próximo ano. O coeficiente de atualização calculado pelo Instituto Nacional de Estatística reflete-se num aumento de 1,12% para as rendas de contratos posteriores a 1990.

Franck Metillon/Flickr

Telecomunicações mantêm tarifários

Meo, Nos, Nowo e Vodafone disseram à agência Lusa que os tarifários se manterão em 2018. A única exceção são “alguns tarifários móveis pós-pagos” da Meo, que serão revisto em fevereiro.

FERNANDO VELUDO/LUSA

Eletricidade mais barata em 2018

A Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos decidiu que tarifa regulada descerá 0,2% em 2018. Além disso, todos consumidores pagarão menos 4,4% pelo acesso às redes.

Combustíveis podem descer 4% ao longo do ano

O preço do petróleo para entrega em dezembro de 2018 é 4% inferior ao dos contratos mais próximos. Todavia, o preço da gasolina e do gasóleo depende também da evolução do câmbio euro-dólar, porque os contratos estão denominados na divisa norte-americana.