Raríssimas: "A Paula Costa continua a ter salário"

Um mês e meio depois da eleição, Sónia Margarida Laygue revela que a ex-presidente da IPSS continua a ser remunerada. Também fala dos mecenas perdidos com o escândalo. E da doença da filha, de 3 anos.

Por Tânia Pereirinha, João Porfírio