Os últimos moradores do Bairro do Aleixo /premium

Desmontaram-se os móveis, embalou-se a roupa e as paredes ficaram vazias. São os últimos inquilinos do bairro problemático do Porto, que a 8 de maio ficará desocupado. O futuro é ainda uma incógnita.

Por Maria Martinho