Toda a história do 'saco azul' do GES

Foi criado para remunerar os líderes da família Espírito Santo, financiou-se através dos clientes do BES e recebeu 200 milhões de euros em 2013 que deviam ter servido para amortizar dívida do GES.

Por Luís Rosa