Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

A melhor receita para o insucesso começa pela forma como nos posicionamos na vida e a olhamos. Se o sucesso vem do exterior, estamos falados. Se o sucesso vem da recompensa pelo caminho, então estamos certamente no trilho certo.

Queremos ser o melhor da turma, o melhor a jogar futebol, o melhor a andar de moto, ou a ter a melhor moto, o mais enturmado no grupo ou aquele a quem o grupo reconhece como o seu ídolo. Mas de que serve ser o melhor aluno, jogar melhor futebol, ter a melhor moto ou ser o mais reconhecido no grupo, sem mais?

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.