Sim, sr. procurador

Sim, sr. procurador: Joaquim Barroca (Grupo Lena) e “um dinheirito” de Bataglia na sua conta

A relação com Santos Silva, que "não era um magnata a falar línguas". Os 12 milhões do amigo a render juros. E os encontros inesperados com o ex-PM: "Quando chego ao peixe estava o sr. eng. Sócrates".

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)