Secretária de Estado assume homossexualidade

Graça Fonseca justifica de forma "completamente política" a divulgação pública da sua orientação sexual. E considera importante que outras personalidades públicas façam o mesmo.

Por Observador