Enfermeiros. Governo admite "meios jurídicos" 

Ministra da Saúde admite meios jurídicos, que não detalha, para responder a greve "preocupante". Requisição civil não será hipótese. Sindicatos dizem que esta greve "é a que menos prejudica doentes".

Por Rita Tavares