Discotecas. “Pretos é difícil. Ciganos não entram"

É um facto: há pessoas “barradas” em discotecas – por vezes, com violência. Há acusações de racismo, mas os gerentes dizem que “não é pela cor” que as pessoas ficam à porta.

Por Carolina Branco