“Super Mario Maker 2” e a reedição de “The Legend of Zelda: Link’s Awakening”, lançado originalmente em 1993 para o Game Boy, foram os nomes dos dois grandes títulos anunciados pela Nintendo para a Switch, a consola doméstica e portátil da empresa. “Super Mario Maker” é a sequela do jogo de construção de níveis de Super Mario em 2D que teve sucesso na 3DS e na WiiU e que vai sair “em junho”, disse a marca japonesa. Já o novo título da saga de Zelda tem como data de lançamento “ainda este ano”.

Depois de, em dezembro, ter batido recordes de vendas e lançado um dos videojogos mais esperados de 2018, o “Super Smash Bros. Ultimate”, a Nintendo fez o anúncio do que esperar para a consola em 2019 na primeira apresentação do ano da Nintendo Direct [a série de eventos que a empresa promove para divulgar novidades].

[No trailer de ‘Legend of Zelda: Link’s Awakening’ é possível ver uma imagem em desenho animado ao estilo manga. O jogo foi refeito para apresentar as possibilidades gráficos da Switch]

Além destes títulos, a Nintendo anunciou ainda jogos exclusivos a serem lançados em 2019, como “Astral Chain” e deu mais novidades de jogos como “Fire Emblem: Three Houses” e “Yoshi’s Crafted World”, que serão lançados nos próximos meses.

Ainda no campeonato das reedições, a empresa nipónica revelou também o lançamento de uma versão revista de “Assassin’s Creed III”, para a Nintendo Switch. Ao contrário de “The Legend of Zelda: Link’s Awakening”, que tem gráficos e controlos completamente revistos e alterados para a Nintendo Switch, esta versão apenas vai ter melhorias visuais e adaptação dos controlos para a consola.