A série norte-americana Os Simpsons previu, há seis anos, a estreia do novo Star Wars e do novo filme de Alvin e os Esquilos para o mesmo dia.

Homer, the Whopper, um episódio emitido em 2009, foi o escolhido. À data, foi apenas mais uma graça dos autores da série, com a participação especial do ator e comediante Seth Rogen e o realizador Evan Goldberg, especialmente quando o realizador da saga, George Lucas, não tinha planos para um novo filme.

No entanto, seis anos depois, a graça passou a “profecia” (concretizada): O Despertar da Força, juntamente com Alvin e os Esquilos 4, estreou na passada sexta-feira, dia 18, nos Estados Unidos da América. A única falha foi mesmo o número do filme dos esquilos: previu o terceiro em vez do quarto.

Esta não é a primeira vez que a série adivinha acontecimentos mediáticos. Em 1995, num episódio sobre o futuro, as personagens Lisa e Marge falam através de um telefone ao mesmo tempo que se veem, algo que fazemos hoje via Skype ou Facetime, e prevê-se a hegemonia da ferramenta de pesquisa Google. Mais recentemente, a campanha de Donald Trump na corrida à casa branca, num episódio de 2000, ou o caso das escutas da NSA, no filme da série de 2007, são outros exemplos.