Separador-NORTE

Música

Captain Boy, alter-ego de Pedro Ribeiro, lança o seu álbum de estreia, 1, no Café Concerto do Centro Cultural Vila Flor, esta sexta-feira à meia-noite. Os bilhetes custam 3 euros.

Rita RedShoes atua na Casa das Artes de Vila Nova de Famalicão, este sábado, às 21h30. Os bilhetes custam 12 euros.

Na Casa da Música, no Porto, há café concerto com Alexander Stewart e Isabella Lundgren este sábado, às 21h30. Alexander Stewart regressa a Portugal com o seu novo disco I Thought About You. Isabella Lundgren, uma voz promissora do jazz, está também de regresso. Os bilhetes custam 26 euros, se for jantar custam entre 43 e 50 euros.

No Auditório Municipal de Gondomar há António Zambujo, este sábado, às 21h45.

Palco

O Centro Cultural de Vila Flor, em Guimarães, apresenta os teatros de marionetas “Nunca” e “Wonderland” esta sexta e sábado. O programa especial composto por dois espetáculos do Teatro de Marionetas do Porto tem bilhetes a 2 e 5 euros.

O Theatro Club, na Póvoa de Lanhoso, apresenta “Medeia” este sábado às 21h45. Mário Cláudio, a partir do texto de Eurípedes recria, numa versão suavizada, “Medeia”, a viver no século XXI.

medeia

O Teatro de Vila Real apresenta “Ópera Cómica em um Acto“, este sábado às 21h30. “Os dilemas dietéticos de uma matrioska do meio” é uma ópera do género buffa (cómica) com autoria de António Durães (encenação), Nuno Cortê-Real (composição) e Mário João Alves (libreto). Os bilhetes custam 5 euros.

O Teatro Rivoli recebe a peça “Um Inimigo do Povo” esta sexta-feira e sábado às 21h30 e às 19h00 respetivamente. Em “Um Inimigo do Povo” (1882), o autor Henrik Ibsen expõe de uma forma direta e crua a colisão do indivíduo com o coletivo. Com direção artística de Tónan Quito e interpretação Filipa Matta, Isabel Abreu, João Pedro Vaz, Miguel Loureiro, Pedro Gil e o próprio Tónan. As entradas custam 7,50 euros.

um inimigo

Exposições

O Centro Cultural de Vila Flor apresenta a exposição Bufos de José Almeida Pereira a partir de sábado, dia 28 de janeiro até dia 3 de junho. Contra a fugacidade do tempo, José Almeida Pereira incita a imaginação do observador e convida-o a demorar-se no espaço sensível da sua subjetividade para escapar à luz das imagens. Os bilhetes custam 1 e 2 euros.

A Casa do Professor, em Braga inaugura esta sexta-feira, dia 27 de janeiro, às 18h30 a exposição de pintura “Passagens” de Costa Araújo. Patente até dia 10 de fevereiro.

Cinema

O Cineclube de Amarante faz uma sessão de cinema com Tesouro, esta sexta-feira, às 21h30. Costi leva uma vida tranquila em Bucareste (Roménia), com a mulher e o filho de seis anos. Certo dia, Adrian, o vizinho do lado, chega a sua casa para lhe pedir dinheiro emprestado. Ao perceber a recusa de Costi, o vizinho explica que precisa de uma certa quantia para alugar um detetor de metais e, com ele, encontrar um tesouro que, muitos anos antes, o avô enterrou no quintal.

https://www.youtube.com/watch?v=BwTh7CmPMeg

Separador-CENTRO

Música

O Teatro Aveirense recebe, esta sexta-feira, às 21h30, Luísa Sobral com um concerto do álbum “Luísa“. Os bilhetes custam 10 euros.

O Cine-Teatro Avenida, em Castelo Branco, apresenta o concerto A Presença das Formigas, este sábado, às 21h30. A Presença das Formigas combina elementos da música tradicional e popular portuguesa com influências do jazz, música erudita e músicas do mundo. Largamente reconhecidos pela imprensa especializada, contam com dois discos editados, “Ciclorama” e “Pé de Vento”.Os bilhetes custam 5 euros.

Este sábado, o ACERT Tondela apresenta o concerto da Orquestra Clássica do Centro, às 21h45. Os bilhetes custam entre os 2,50 e os 7,50 euros.

Palco

O Cine-Teatro de Estarreja recebe a comédia “Tartufo”, com Maria do Céu Guerra, esta sexta-feira, às 21h30. A peça é uma das comédias mais célebres de Molière.

tartufo

O Teatro Aveirense recebe a comédia “Filho da Treta” com José Pedro Gomes e António Machado. A sequela para a Conversa da Treta que em tempos juntou José Pedro Gomes e António Feio. Os bilhetes custam 12 euros.

O Teatro Académico Gil Vicente, em Coimbra, apresenta a peça “Diário de um louco“, esta sexta-feira, às 21h30. A encenação é de Américo Rodrigues com interpretação de Luciano Amarelo e Élia Fernandes. Os bilhetes custam 5 ou 7 euros.

louco

Cinema

Inserida nas atividades ao longo do ano, o CINANIMA apresenta “Louise no Inverno“, de Jean François Laguionie, que teve honras de abertura na 40.ª edição do Festival em novembro passado. A entrada é livre no Centro Multimeios de Espinho.

Separador-SUL

Música

O Coliseu dos Recreios, em Lisboa, recebe os Biffy Clyro, em concerto esta sexta-feira, dia 27 de janeiro, às 21h00. A banda escocesa traz a Portugal o mais recente álbum de estúdio Ellipsis. Os bilhetes custam 26 euros.

Os Deolinda regressam ao Coliseu dos Recreios, em Lisboa, este sábado às 28 de janeiro, às 21h30. Quatro anos depois, os Deolinda estão de regresso aos Coliseus, onde irão apresentar o último álbum de originais “Outras Histórias” e encerrar as celebrações de uma década de carreira, com quatro álbuns editados. Os bilhetes custam entre os 15 e os 45 euros.

Teresa Salgueiro dá concerto no Museu do Oriente, este sábado às 21h30. O trabado “La Golondrina y el Horizonte” representa uma escolha íntima da cantora diante do imenso legado da música Mexicana e Latino-Americana e os arranjos que dirigiu com os músicos que a acompanham foram escritos para acordeão, contrabaixo, guitarras e percussão. Os bilhetes custam 15 euros.

O Centro Cultural de Belém recebe, esta sexta e domingo, a Orquestra Metropolitana de Lisboa para o concerto “La Clemenza di Tito“. A 4.ª edição do ateliê da Orquestra Metropolitana de Lisboa dedica-se a “La Clemenza di Tito”, a ópera séria que Mozart compôs nos últimos meses de vida. Jovens cantores em início de carreira lançam-se uma vez mais à frente de uma orquestra profissional, desta vez para interpretar os seis papéis de um libreto que se desenrola em torno da figura do imperador romano Tito, numa trama palaciana que culmina, precisamente, com a sua glorificação. Os bilhetes custam entre os 12,50 e os 15 euros.

mozart

Esta sexta-feira, às 21h30, o palco do pequeno auditório da Culturgest, em Lisboa, recebe dois dos nomes mais promissores do jazz português. Afonso Pais ao piano, Rita Maria na voz, atuam ao vivo para apresentar as canções do álbum Além das Horas mas também temas inéditos. Os bilhetes custam 6 euros.

Também na Culturgest, também esta sexta-feira, Aldina Duarte regressa ao palco que lhe deu a primeira atuação. Ainda assim, um regresso que nunca é uma repetição. É o fado tradicional a querer ser tradicionalmente diferente, Aldina não sabe fazer as coisas de outra maneira. Nós agradecemos. Às 21h30. Bilhetes a 20 euros.

Palco

O Teatro Nacional D. Maria II, em Lisboa, apresenta a peça “Força Humana“, até domingo. Este é um espetáculo que parte do desejo de encontrar, na vastidão do poema épico de Os Lusíadas, as pistas de decifração do Portugal contemporâneo. Um espectáculo de e com António Fonseca e José Neves, que parte dos Lusíadas e chega á atualidade portuguesa.

força

O Teatro Municipal São Luiz, em Lisboa, apresenta até domingo “Não Quero Morrer“, de Elmano Sancho e Juanita Barrera, texto, encenação e interpretação. Os criadores entrevistaram artistas portugueses e colombianos esquecidos pelo público. “Não Quero Morrer” oferece a possibilidade de os resgatar para que não caiam no esquecimento. Os bilhetes custam 12 euros.

morrer

O Cinema São Jorge tem um programa especial para esta sexta-feira à noite. Fernando Alvim, Nuno Dias e Pedro Paulos celebram o que melhor se faz online com o “Obrigado, Internet!”. Dos podcasts para a rádio para a o palco. Os bilhetes custam 5 euros.

O Fórum Luísa Todi, em Setúbal, tem em cena “Do Céu Caiu Um Anjinho“, este sábado e domingo. Tratando-se de uma comédia de enganos, naturalmente não vai faltar o humor, através das situações imprevisíveis e caricatas a que as personagens vão estar sujeitas. Os bilhetes custam 6 euros para o balcão e 8 euros para a plateia.

Exposições

O Museu de Lisboa tem patente até 2 de junho a exposição “A Lisboa que teria sido“. São cerca de 200 peças de projetos urbanísticos e arquitetónicos que não chegaram a ser concretizados na capital. A exposição mostra Lisboa como foi projetada por arquitetos, urbanistas e pensadores da cidade como Francisco de Holanda, Eugénio dos Santos, J. C. Nicolas Forestier, Ventura Terra, Cristino da Silva, Raul Lino, Cottinelli Telmo, Cassiano Branco, entre outros. A entrada custa 3 euros.

lisboa

No dia 28 de janeiro comemora-se a entrada no Novo Ano Chinês no Museu do Oriente, em Lisboa. Este será o ano do Galo. O museu festeja a data com entrada gratuita (sábado) e atividades também sem entrada (de sexta a domingo).