Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Este regresso de Bill Watterson é muito discreto e vem apenas na forma de colaboração. Watterson decidiu partilhar o espaço editorial de um amigo também cartunista. Stephan Pastis tem vindo a ganhar nome com a sua tira Pearls Before Swine que já é famosa no meio criativo e que conta com vários livros publicados.

Pastis tinha tentado conhecer Watterson, que já admirava, mas não conseguiu. De seguida este fez um cartoon em que o homenageava e citava Calvin e Hobbes, tendo logo de seguida optado por enviar a tira a Watterson, sem esperar sequer por resposta. Mas esta veio, e deixou Pastis muito surpreendido. É este que conta que , quando o autor de Calvin o abordou no sentido de trabalharem juntos, a sua resposta foi: “Querido Bill, farei qualquer coisa para que isso aconteça, incluindo pegar fogo ao meu cabelo”. O texto em que Pastis descreve as conversas e o processo criativo com Watterson é, em si mesmo, um produto artístico que merece ser lido.

O processo concluiu-se com um conjunto de cartoons em que uma personagem, a adolescente Libby, se apodera do quadrado central da tira de Pastis e o desenha a seu gosto – sendo que a adolescente Libby é Bill Watterson, como reconhecerá quem aprecia o desenho do autor. Esta adolescente é introduzida nos cartoons ainda pela caneta de Pastis aqui e aqui. A primeira tira em que Watterson colabora foi esta:

pb140604

Copyright 2014 Pearls Before Swine, Distributed by Universal Uclick. Reprinted by permission.

As outras são esta e esta. O resultado final é delicioso e mais do que suficiente para confirmar que o pai de Calvin continua em grande forma, aparentando ter vontade de regressar ao ativo – já há quatro meses tinha feito o cartaz promocional para um filme sobre a crise dos cartoonistas.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR