Tributo a Prince. Stevie Wonder e Chaka Khan levaram os fãs ao rubro

O mais recente concerto de tributo a Prince, esta quarta-feira à noite, em St. Paul no Minnesota, foi um verdadeiro sucesso, com duetos de Stevie Wonder e Chaka Khan e a presença de Ana Moura.

6 fotos

Stevie Wonder e Chaka Khan, as grandes presenças no concerto de tributo a Prince, esta quarta-feira à noite, no Xcel Energy Center em St. Paul, no Minnesota (EUA), esgotaram o espetáculo e fizeram as delícias dos fãs de Prince. Neste concerto especial também participou a fadista Ana Moura, amiga do artista que faleceu no passado mês de abril.

Os dois cantaram, em dueto, o êxito “I Feel for You” que Prince escreveu para Kahn, em 1984, e ainda “1999”. Os fãs foram transportados para essa década, os anos 90 foram dos mais prolíficos do autor, com a plateia a aplaudir e a dançar. Stevie Wonder também se vestiu a rigor para homenagear o amigo, com um fato de camisa roxa.

À porta do Xcel Energy Center, antes do concerto, também os fãs vestiam camisas roxas, cachecóis e a ocasional boina framboesa — recriando o estilo do cantor — enquanto dançavam pela rua.

O mayor de St. Paul, Chris Coleman, leu uma proclamação a declarar o Dia de Prince, a 13 de outubro, na capital do Minnesota. Além disso, o espetáculo abriu com uma mensagem em vídeo de Barack Obama a falar sobre o cantor.

A cantora Chaka Khan disse que a música de Prince é “uma marca que vai viver para sempre”.

Ana Moura fez questão de estar presente para homenagear o amigo, uma emoção que partilhou nas redes sociais.

Tori Kelly, Doug E. Fresh, Morris Day & The Time, Judith Hill e Liv Warfield, foram outros dos artistas que participaram no tributo.

Sharie Tonsager, de 46 anos, mal podia esperar para ouvir a música de Prince, o seu ídolo que nunca teve a oportunidade ver atuar ao vivo.

Ele era simplesmente original. Nunca se importou com o que os media diziam. Ele só fazia a sua música e amava isso”, defendeu Tonsager, de cabelo roxo, à The Associated Press.

A irmã mais nova de Prince, Tyka Nelson, descreveu o concerto de tributo como um memorial público para Prince:

Eu quero que eles [os fãs] tenham um tipo uma espécie de ‘fecho de capítulo’. Leva algum tempo para superar, e eu vejo que eles ainda estão em sofrimento.”

Poucos antes da hora do espetáculo, Christina Aguilera cancelou a sua presença devido a problemas de saúde, tendo sido substituída por Jessie J. Um representante de Aguilera explicou, à The Associated Press, que a cantora “foi aconselhada pelos médicos a não participar no concerto devido a uma doença vocal que tentou curar toda a semana”.

Também John Mayer e Anita Baker cancelaram a sua presença, sem que se conheça o motivo.

Prince morreu em abril deste ano, aos 57 anos, com uma overdose de medicamentos.

Recomendamos

Populares

Últimas

A página está a demorar muito tempo.