O português Tiago Pires foi hoje eliminado do J-Bay Open, sexta etapa do circuito mundial de surf, ao sair derrotado perante o norte-americano CJ Hobgood, no oitavo “heat” da segunda ronda.

Tiago “Saca” Pires, 25.º do “ranking” mundial, somou 13,9 pontos (5,73 e 8,17), que foram insuficientes para assegurar a qualificação para a terceira eliminatória do campeonato sul-africano, perante os 14,17 (6,5 e 7,67) de CJ Hobgood, 20.º da hierarquia.

“Frustração” foi a expressão utilizada por Tiago Pires para reagira à eliminação, na sua página oficial no Facebook.

Com o afastamento na África do Sul, o surfista da Ericeira, de 34 anos e que cumpre a sua sétima presença entre a elite, repetiu o 25.º lugar do Rip Curl Bells Beach.

Em 2014, “Saca” soma ainda três 13.ºs lugares, no Billabong Rio Pro, no Quiksilver Gold Coast e no Fiji Pro, tendo falhado por lesão o campeonato de Margaret River, a segunda etapa.

O líder do circuito, o brasileiro Gabriel Medina, e o australiano Joel Parkinson, campeão do Mundo em 2012, superaram a repescagem e juntam-se na terceira eliminatória a Kelly Slater, 11 vezes campeão do Mundo, e Mick Fanning, campeão do Mundo em 2007, 2009 e 2013, entre outros.