Antes que os rumores começassem a circular, muito à semelhança do que poderia acontecer no enredo televisivo que a projetou para a fama mundial, Blake Lively tomou as rédeas da situação. A ex-Gossip Girl, ao lado do ator e marido Ryan Reynolds, vai ser mãe pela primeira vez aos 27 anos. Aproveitou o site de lifestyle “Preserve“, o qual lançou no final de julho, para dar a boa nova ao mundo.

No curto texto publicado online é dado ênfase à noção de família; a acompanhar as palavras surgem fotografias de mulheres grávidas e felizes, sendo que o último retrato mostra a própria atriz a segurar, carinhosamente, a barriga. A fotografia foi tirada pelo irmão, Eric Lively, e incide sobre o perfil da estrela com o crepúsculo em pano de fundo.

Lively já antes havia tornado público o desejo de interpretar a personagem de uma mulher de família na companhia de Reynolds. À Marie Clarie, citada pela Us Weekly, expressou vontade em ser mãe múltiplas vezes: “Tenho de começar. Se eu conseguisse ‘cuspir’ uma ninhada de filhos, assim o faria”.

Ainda na publicação de agosto da Vogue deu a entender que a maternidade estaria para breve. “Ele [Ryan Reynolds] vai ser um ótimo pai, líder e patriarca — está destinado a ser essas coisas todas. (…) O facto de ele ter vivido tanto antes de estarmos juntos faz dele a pessoa realizada que deveria ser. Assim posso partilhar a minha vida com a pessoa em que ele se tornou e podemos crescer a partir daí”.

Reynolds esteve antes casado com a também atriz Scarlett Johansson, entre 2008 e 2011, que por coincidência foi mãe da primeira filha, Rose, há relativamente pouco tempo. Aos 38 anos, o ator  canadiano partilha da mesma vontade com a mulher com quem se casou há sensivelmente dois anos: “Queremos ter uma família grande”, disse à publicação Details no ano passado. “Ambos vimos de duas famílias grandes — os meus pais tiveram quatro filhos e os pais de Blake outros cinco. Muitas pessoas dizem que é de doidos, mas só sabemos quando lá chegamos, não é?”