Sebastien Ogier (Volkswagen) sagrou-se campeão do mundo de ralis ao vencer o Rali da Catalunha, em Espanha. É o segundo título mundial do francês.

Ao terminar à frente do seu companheiro de equipa, o finlandês Jari-Mati Latvala, e de Miko Hirvonen (Ford Fiesta), outro finlandês, Ogier assegurou desde logo o seu segundo título mundial, e de forma consecutiva, somando igualmente a 23.ª vitória em provas do campeonato do mundo de ralis.

A Volkswagen, que disputa o campeonato desde o Rali de Monte Carlo de 2013, já tinha assegurado o segundo título consecutivo desde o Rali da Austrália.