Foi uma luta renhida, mas quem levou o galardão para casa foi o sueco Måns Zelmerlöw, um voluntário internacional que criou quatro escolas em África. A Suécia venceu a 60ª edição do Festival da Eurovisão com o tema “Heroes”, composto por Anton Malmberg Hård af Segerstad, Joy Deb e Linnea Deb.

“Todos nós somos heróis, independentemente de quem somos, quem amamos e daquilo em que acreditamos”, disse Måns Zelmerlöw, no discurso da vitória. Considerado um artista versátil, Måns Zelmerlöw venceu o concurso “Let’s Dance”, já apresentou programas televisivos e, além de cantor, é compositor.

Em segundo lugar, ficou aquela que já tinha sido apontada como favorita, a russa Polina Gagarina, de 28 anos, que interpretou o tema “A Million Voices”. Uma das estrelas em ascensão na Rússia, Polina Gagarina é, além de cantora, compositora e atriz. Lançou dois álbuns de originais, em 2005 e 2010, e é casada com o fotógrafo Dmitry Iskhakov.

A 60ª gala do Festival da Eurovisão decorreu em Viena, Áustria. A cantora e atriz portuguesa Leonor Andrade, 20 anos, não passou a fase das semifinais europeias, com o tema “Há um Mar que nos Separa”. No caminho para a representação de Portugal em Viena, Leonor Andrade venceu nomes como Adelaide Ferreira ou Simone de Oliveira.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR