Um bilionário chinês, antigo motorista de táxi, confirmou nesta terça-feira ter adquirido a pintura de Amedeo Modigliani “Nu Reclinado” pelo preço de 170,4 milhões de dólares (cerca de 159 milhões de euros) na leiloeira Christie, em Nova Iorque.

A tela do pintor italiano, que viveu entre 1884-1920, adquirida na segunda-feira, foi a segunda mais cara vendida em leilão, após “Mulheres de Argel”, de Picasso, pelo valor de 179,4 milhões de dólares (cerca de 167 milhões de euros), também na Christie, em Nova Iorque.

A pintura foi comprada para o Long Museu de Xangai, fundado em 2012 pelo colecionador bilionário Liu Yigian e a sua mulher Wang Wei. Liu Yigian, antigo motorista de táxi que fez fortuna nos setores financeiro e imobiliário, disse que pretende expor o quadro no seu museu.