Com a estreia de Harry Potter and the Cursed Child no Palace Theatre, em Londres, são muitos os fãs que sonham em poder ver a peça de Jack Thorne num teatro mais perto de si. O que poderá vir a acontecer muito em breve, de acordo com J.K. Rowling.

À entrada do Palace Theatre, onde estreou, este sábado, a primeira parte do espetáculo, a autora disse que a peça pode estar destinada à Broadway. “Gostava de a ver ir mais longe do que isso”, disse aos jornalistas. “Gostava que o maior número possível de fãs a visse.”

Ao jornal The Guardian, Sonia Friedman, produtora do teatro, disse que “muitos países” iriam ter a oportunidade de ver a peça no futuro. “Espero que muitos países, para além dos Estados Unidos da Américo, tenham a determinada altura a oportunidade de vê-la. Mas é uma grande peça de teatro, é um grande esforço.”

LONDON, ENGLAND - JULY 30: Sonia Friedman, Jack Thorne, J. K. Rowling, John Tiffany and Colin Callender attend the press preview of "Harry Potter & The Cursed Child" at Palace Theatre on July 30, 2016 in London, England. Harry Potter and the Cursed Child, a two-part West End stage play written by Jack Thorne based on an original new story by Thorne, J.K. Rowling and John Tiffany. (Photo by Rob Stothard/Getty Images)

Sonia Friedman, Jack Thorne, J.K. Rowling, o diretor e co-autor da história John Tiffany e o produtor da peça Collin Calandre na estreia do espetáculo em Londres (Rob Stothard/Getty Images)

Frisando que não é possível montar um espetáculo do género do dia para a noite, Friedman admitiu que “se tudo correr bem”, nos próximos anos muitos teatros irão ter a oportunidade de levar ao palco o espetáculo, que retoma a história encerrada por Rowling em 2007.

Harry Potter and the Cursed Child passa-se 19 anos depois da Batalha de Hogwarts. Harry, já adulto, é pai de três filhos e empregado no Ministério da Magia. O enredo desenrola-se, sobretudo, em torno do filho mais novo do feiticeiro, Albus Severus, e do seu primeiro ano na Escola de Magia e Feitiçaria de Hogwarts.

A Parte I da peça, dividida em duas partes, estreou no sábado no Palace Theatre, no mesmo dia em que chegou às livrarias o livro com o guião original. Na apresentação em Londres estiveram presentes os responsáveis pelo espetáculo e J.K. Rowling, que co-escreveu a história que deu origem ao guião. A Parte II será apresentada este domingo à noite.