O ator britânico Kenny Baker, que ficou conhecido depois de ter interpretado o robô R2-D2 na “Guerra das Estrelas”, morreu este sábado aos 81 anos, após doença prolongada, anunciou a família, citada pelo jornal britânico The Guardian.

Uma sobrinha do ator afirmou que este sofria de problemas pulmonares. “Estava bastante doente nos últimos anos e já esperávamos um desfecho fatal”, disse Abigail Shield.

“Viveu uma vida longa e plena e conseguiu fazer muita gente feliz. Estamos muito orgulhosos de tudo o que alcançou”, acrescentou, precisando que um dos sobrinhos o encontrou morto este sábado de manhã.

Baker, que tinha pouco mais de um metro de altura, interpretou o emblemático R2-D2 em seis filmes da “Guerra das Estrelas”, tendo começado em 1977.

E foram precisamente os colegas de Baker em “Guerra das Estrelas” que deixaram algumas das homenagens mais sentidas ao ator. Ewan McGregor, que interpretou o jovem Obi-Wan Kenobi, aproveitou o Twitter para lamentar a morte do ator. “Lamento imenso saber disto. Foi muito bom trabalhar com o Kenny”, sublinhou o ator.

Também Mark Hamill, protagonista da saga como Luke Skywalker, usou aquela rede social para se despedir do “amigo”. “Adeus Kenny Baker, um amigo leal e de uma vida. Adorava o seu otimismo e determinação. Ele era o androide que eu estava à procura”, escreveu o ator, numa referência à história que unia as duas personagens.