Game Of Thrones

Lágrimas, “Jon Snow” emocionado e “esta série salvou a minha vida”. Já há trailer para o documentário de Game of Thrones

739

Chega à HBO Portugal a 26 de maio e, pelo trailer, será de fazer chorar as pedras da calçada. Emotivo, mostra os bastidores da série a dificuldade de quem participou em dizer-lhe adeus.

É a série que quase toda a gente anda a ver, que anda nas bocas do mundo, que domina as conversas e que faz os inícios de semana começar invariavelmente com a pergunta: “Já viste ou é melhor não fazer spoilers?” “Game of Thrones”, em português “A Guerra dos Tronos”, tem sido um sucesso retumbante e vai dar origem a um documentário. Até aqui não há novidades, mas esta terça-feira a HBO — produtora e plataforma de subscrição de filmes e séries que exibe Game of Thrones — revelou o trailer do filme documental que chegará ao seu canal (também em Portugal) já no dia 26 deste mês de maio.

O documentário vai-se chamar “Game of Thrones: The Last Watch” e, a julgar por este trailer que acabou de ser revelado, mostrará sobretudo momentos de bastidores da produção e rodagem da série.

Será um documentário emotivo, a julgar pelas imagens. Neste trailer, vê-se por exemplo o ator Kit Harington, que interpreta a personagem Jon Snow, visivelmente emocionado numa reunião de equipa. Veem-se declarações de amor à série, de um dos seus criadores, D. B. Weiss — “é como se estivesses a olhar à volta e a ver a tua família”, diz numa reunião, antes de ser ovacionado —, mas também comentários de intervenientes como Kristofer Hivju, ator que interpreta a personagem Tormund Giantsbane (“Nem consigo imaginar como isto vai ficar em televisão”) e da designer de produção Deborah Riley, uma das responsáveis pela componente visual da série (“Não poderia ter trabalhado mais arduamente, dei realmente tudo o que tinha”, apontou).

O realizador David Nutter, que trabalhou em “Game of Thrones” e até foi premiado por isso, é contundente e diz que este “é um trabalho de sonho”, que “esta série salvou a minha vida”. Já Rory McCann, ator que faz de Sandor “The Hound” Clegane na série, não é menos declarativo: “É difícil imaginar que nunca vou voltar. Foi a melhor coisa que fiz”.

Paralelamente às declarações de amor assolapadas, é possível ver no trailer — concebido para ser emotivo e épico, com a música e as imagens das gravações a ajudar a derreter os corações dos fãs — momentos marcantes, como a última cena gravada pela atriz Emilia Clark (Daenerys Targaryen) na série ou Sophie Turner (que interpreta a personagem Sansa Stark) a gravar a cena em que se despede da personagem Theon Greyjoy (encarnada por Alfie Allen).

O documentário especial “mergulha fundo na lama e no sangue para revelar as lágrimas e triunfos inerentes ao desafio de dar vida ao mundo fantástico de Westeros nos estúdios em que ele ganhou vida, nos campos e nos parques de estacionamento da Irlanda do Norte”, aponta a HBO. Mais do que “um documentário making of” da última temporada, cujos episódios são tão completos que “cada um poderia ser um filme” (como se ouve), “Game of Thrones: The Last Watch” será “a história divertida e de partir o coração, contada com argúcia e intimidade, dos prazes agridoces de criar um mundo e depois ser-se obrigado a despedir-se dele”. O melhor é ver o trailer e avaliar por si mesmo:

Todos queremos saber mais. E escolher bem.

A vida é feita de escolhas. E as escolhas devem ser informadas.

Há uns meses o Observador fez uma escolha: uma parte dos artigos que publicamos deixariam de ser de acesso totalmente livre. Esses artigos Premium, por regra aqueles onde fazemos um maior investimento editorial e que mais diferenciam o nosso projecto, constituem a base do nosso programa de assinaturas.

Este programa Premium não tolheu o nosso crescimento – arrancámos mesmo 2019 com os melhores resultados de sempre.

Este programa tornou-nos mesmo mais exigentes com o jornalismo que fazemos – um jornalismo que informa e explica, um jornalismo que investiga e incomoda, um jornalismo independente e sem medo. E diferente.

Este programa está a permitir que tenhamos uma nova fonte de receitas e não dependamos apenas da publicidade – porque não há futuro para a imprensa livre se isso não acontecer.

O Observador existe para servir os seus leitores e permitir que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia. Por isso o Observador também é dos seus leitores e necessita deles, tem de contar com eles. Como subscritores do programa de assinaturas Observador Premium.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)