O Brasil registou uma taxa de desemprego de 4,7 por cento, em outubro, índice mais baixo para um mês de outubro desde 2002, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Em comparação a outubro de 2013, a taxa representou uma redução de 0,5 pontos percentuais, e de 0,2 pontos percentuais, quando comparada com setembro deste ano.

Em termos absolutos, a população desempregada era de 1,1 milhões de pessoas, número praticamente estável face a setembro e 10,1 por cento inferior em relação a outubro de 2013.

O rendimento médio da população ocupada também aumentou ao somar 2.122 reais (656 euros), 2,3 por cento acima do registrado em setembro e 4 por cento acima do verificado em outubro de 2013.