O diretor-geral da editora Sony Music Portugal, Paulo Junqueiro, irá presidir à Sony Music Brasil, revela hoje o jornal brasileiro O Globo.

A edição online do jornal dá conta que Paulo Junqueiro substituirá Alexandre Schiavo, que estava há dez anos à frente da Sony Music Brasil, que lidera o mercado fonográfico no país, com uma quota de 34,2 por cento.

Paulo Junqueiro, que passou a ter mais visibilidade como jurado do programa televisivo “Factor X”, está há várias décadas ligado à música brasileira e à música portuguesa.

Viveu vários anos no Brasil, desde a década de 1980, onde trabalhou como engenheiro de som, produtor e diretor artístico de vários músicos e bandas, na Warner Music Brasil e na EMI Music.

Tem o nome associado a artistas como Gilberto Gil – produziu-lhe o álbum “Quanta live” (1998), premiado com o Grammy -, Marisa Monte, Milton Nascimento, Paralamas do Sucesso, Kid Abelha, Capital Inicial e Titãs.

Em Portugal, passou pelos estúdios Rádio Triunfo e pela EMI Music Portugal, tendo trabalhado com Xutos & Pontapés, Madredeus, Rui Veloso, GNR, Clã, Jorge Palma, Sérgio Godinho ou Camané.